Trecos e truques na caixa de Pandora











{24/11/2010}   Candeeiro

Mas há a vida que é para ser intensamente vivida, há o amor. Que tem que ser vivido até a última gota. Sem nenhum medo. Não mata. (Clarice Lispector)

Já faz um bom tempo que não compartilho neste blog um pouco da minha vida.
Palavras… apenas palavras.
A verdade é que mais um ano escorreu entre nossas mãos. Com ele, morrem as frustrações de coisas que não fizemos e dos planos que ainda revivem cada vez mais fortes impulsionados pelo novo que começa… pelo recomeço que só é continuidade.
Hoje me deu uma vontade absurda de ler Clarice Lispector… talvez porque é como se a escrita dela nos lesse por dentro como um microscópio colocado para observar nossa alma.
Quando somos adolescentes temos tantas angústias e incertezas. Daí o tempo passa… e descobrimos que as angústias e incertezas só mudam de lugar. Elas não estão mais no vestibular, no primeiro emprego, naquele show que nosso pais não quer que vamos, na ‘amiga’ que deu em cima do nosso gatinho, no carinha da escola que não nos dá bola…
A gente cresce e percebe que as preocupações são outras: as contas que despencam na nossa cabeça, o primeiro fio de cabelo branco que um dia aparece, o aluguel e a compra da casa própria… uma pós, uma viagem e a vontade de comprar uma mochila colocar meia dúzia de roupas dentro e sair por aí desbravando este mundo de meu Deus…
A alma não tem idade! Ela é livre!
Um candeeiro está sob a minha janela. É uma imagem quase poética porque a luz se refrata no ambiente em várias cores por causa do vidro que envolve a chama da vela.

Penso que a vida tem que ser assim… às vezes não temos ânimo para sorrir, mas devemos porque a vida todos os dias nos sorri com um belíssimo espetáculo ofertado pela natureza.
Os amores que vêm e os que se vão… o que nos ensinam e a vontade de sempre continuar.
Quantos mistérios ainda por descobrir?
Vale muito a pena refazer planos, expectativas e sempre esperar o melhor da vida, o melhor das pessoas e, principalmente, esperar e fazer o melhor de si mesmo.

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

et cetera
%d blogueiros gostam disto: